admin

admin

Dados do Guia Clima da Embrapa Agropecuária Oeste revelam que Dourados teve ventos fortes com velocidade de 33 quilômetros por hora na madrugada desta quinta-feira (29), às 2h29, e acumulou 42.2 milímetros de chuva durante 3 horas e 46 minutos.

Também hoje o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) publicou novo aviso de tempestade com grau de severidade de perigo potencial para uma zona que inclui regiões de São Paulo e Mato Grosso do Sul, entre eles o município douradense, que ainda contabiliza os estragos de segunda-feira (26).

Com início entre 9h e 10h, esse alerta meteorológico aponta chuva entre 20 e 30 milímetros por hora ou até 50 milímetros por dia, ventos intensos entre 40 e 60 quilômetros por hora, e queda de granizo. Indica ainda baixo risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de galhos de árvores e de alagamentos.

O Inmet prevê para hoje tempo nublado com pancadas de chuva e trovoadas isoladas em Dourados. Já o CPTEC/INPE (Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) assinala muitas nuvens com curtas aberturas e pancadas de chuva localizadas que poderão ser fortes e vir acompanhadas de trovoadas a qualquer hora do dia.

Na segunda-feira (26), alerta de tempestade foi emitido pelo Inmet pouco antes da chuva que totalizou 32.2 milímetros durante 2 horas e 40 minutos e das rajadas de vento de 46 quilômetros por hora registradas às 7h25. Horas depois a prefeita Délia Razuk (sem partido) decretou situação de emergência no município em decorrência dos estragos.

Conforme o Guia Clima da Embrapa Agropecuária Oeste, a chuva média mensal em outubro em Dourados é de 144.3 milímetros. Até hoje, o índice pluviométrico já soma 133.2 milímetros, dos quais 74.4 milímetros acumulados somente nesta semana.

Mais 5,1 milhões recebem nesta quinta-feira (29) parcelas do auxílio emergencial.  Entre os beneficiados estão 3,5 milhões nascidos em novembro, do ciclo 3 do calendário, sendo 1,3 milhão com depósito da 1ª à 5ª parcela de R$ 600 e 2,3 milhões com a extra de R$ 300.

Outros 1,6 milhão de pessoas que fazem parte do Bolsa Família com NIS final 9 recebem a segunda parcela do auxílio emergencial extra, de R$ 300. O pagamento para o esse grupo segue até o dia 30, para os que têm o NIS final 0.

Para o grupo do ciclo 3, o valor é depositado conta poupança digital e o saque liberado apenas em 5 de dezembro. Mas o valor poderá ser movimentado pelo aplicativo Caixa Tem, que permite fazer compras, pagar boletos, contas de água, luz, telefone, entre outros serviços.

No domingo (1º), a Caixa concluirá os depósitos do benefício para o ciclo 3 de pagamento, com 3,5 milhões nascidos em dezembro. O calendário de saque para esse grupo começa em 7 de novembro.   

O auxílio emergencial de R$ 600 começou a ser pago em abril, como medida para conter os efeitos econômicos da pandemia de coronavírus. Inicialmente, estava previstas três parcelas, mas o governo prorrogou a medida e o benefício vigorou por cinco meses.

Em setembro, o governo publicou a MP 1.000, garantindo mais quatro parcelas do auxílio residual ou extensão no valor de R$ 300. Mas nem todos que receberam os R$ 600 vão ganhar as quatro parcelas de R$ 300. O número de parcelas depende de quando o beneficiário entrou no programa.

Pelas novas regras, a declaração do Imposto de Renda 2020 passou a ser critério de exclusão para quem teve rendimentos superiores a R$ 28.559,70 em 2019 ou bens e direitos de valor superior a R$ 300 mil em 31 de dezembro de 2019. Quem mora no exterior ou presos em regime fechado também foram excluídos do pagamento.

Calendário do Bolsa Família


NIS final 9 - 29 de outubro
NIS final 0 - 30 de outubro

Calendário dos demais grupos


Ciclo 3: quem recebeu a primeira parcela em abril e passa a ganhar a extra de R$ 300; também inclui aqueles que estão recebendo as demais parcelas de R$ 600.
Ciclo 4: aqueles que receberam a primeira em maio e passam a ganhar a extra.
Ciclo 5: beneficiários que receberam a primeira parcela em junho.
Ciclo 6: receberam a primeira parcela do benefício em julho.

Depósito em conta digital

Para o ciclo 3

29 de outubro - nascidos em novembro
1º de novembro - nascidos em dezembro

Para o ciclo 4

30 de outubro - nascidos em janeiro
4 de novembro - nascidos em fevereiro
5 de novembro - nascidos em março
6 de novembro - nascidos em abril
8 de novembro - nascidos em maio
11 de novembro - nascidos em junho
12 de novembro - nascidos em julho
13 de novembro - nascidos em agosto
15 de novembro - nascidos em setembro
16 de novembro - nascidos em outubro
18 de novembro - nascidos em novembro
20 novembro - nascidos em dezembro

Saque em dinheiro

Para os ciclos 3 e 4

7 de novembro - nascidos em janeiro e fevereiro
14 de novembro - nascidos em março
21 de novembro - nascidos em abril e maio
24 de novembro - nascidos em junho
26 de novembro - nascidos em julho
28 de novembro - nascidos em agosto e setembro
1º de dezembro - nascidos em outubro
5 de dezembro - nascidos em novembro e dezembro

Depósito em conta digital

Para o ciclo 5

22 de novembro - nascidos em janeiro
23 de novembro - nascidos em fevereiro
25 de novembro - nascidos em março
27 de novembro - nascidos em abril
29 de novembro - nascidos em maio
30 de novembro - nascidos em junho
2 de dezembro - nascidos em julho
4 de dezembro - nascidos em agosto
6 de dezembro - nascidos em setembro
9 de dezembro - nascidos em outrubro
11 de dezembro - nascidos em novembro
12 de dezembro - nascidos em dezembro

Para o ciclo 6

13 de dezembro - nascidos em janeiro e fevereiro
14 de dezembro - nascidos em março
16 de dezembro - nascidos em abril
17 de dezembro - nascidos em maio
18 de dezembro - nascidos em junho
20 de dezembro - nascidos em julho e agosto
21 de dezembro - nascidos em setembro
23 de dezembro - nascidos em outubro
28 de dezembro - nascidos em novembro
29 de dezembro - nascidos em dezembro

Saque em dinheiro

Para os ciclos 5 e 6

19 de dezembro - nascidos em janeiro e fevereiro
4 de janeiro - nascidos em março
6 de janeiro - nascidos em abril
11 de janeiro - nascidos em maio
13 de janeiro - nascidos em junho
15 de janeiro - nascidos em julho
18 de janeiro - nascidos em agosto
20 de janeiro - nascidos em setembro
22 de janeiro - nascidos em outrubro
25 de janeiro - nascidos em novembro
27 de janeiro - nascidos em dezembro

A Polícia Militar deu início na tarde desta quarta-feira (28/10) à Operação Cidade Mais Segura, em Dourados. A intenção é saturar pontos populosos da cidade com crescentes casos de violência. 

As regiões alvo são o Jardim Flórida e Parque das Nações. 

Um helicóptero do GPA (Grupo de Patrulhamento Aéreo) está na cidade para atuar como reforço às viaturas e homens atuando na parte terrestre. 

De acordo com o coronel Emerson de Almeida Vicente, comandante do 3º Batalhão da Polícia Militar em Dourados, a medida levará mais tranquilidade aos moradores. 

“Nossa intenção é justamente saturar alguns pontos importantes da cidade, levando segurança pública à população”, disse ao Dourados News logo após o início dos trabalhos.

A operação deve se estender até o período noturno. Ao todo, aproximadamente 30 policiais atuam na ação. 

 

A Polícia Militar do Paraná voltou atrás e não confirma a prisão de Paulo Cupertino, assassino do ator Rafael Miguel e dos pais deles em junho do ano passado, após avisar a Polícia Civil sobre a prisão na manhã desta quarta-feira (28). A PM convocou uma coletiva para esclarecer o caso. O delegado-geral de São Paulo, Ruy Fontes, enviou mandado de prisão para a polícia do Paraná.

A Polícia Militar paranaense havia informado que prendeu um homem em uma blitz em Centenário do Sul, a 400 km de Curitiba, e que o suspeito seria Paulo Cupertino. A Polícia Civil, no entanto, não confirmou a prisão. O suspeito detido estaria sendo levado para a delegacia seccional de Maringá.

Ruy Fontes afirmou que a Divisão de Capturas de São Paulo recebeu a informação da Polícia Civil do Paraná de que Paulo Cupertino tinha sido preso, com documento falso, em uma blitz de trânsito da PM em Centenário do Sul, região de Londrina. E que depois isso não foi confirmado.

A informação foi transmitida pela PM paranaense, comunicando a Polícia Civil que estava levando o preso para a delegacia. A partir dessas informações, o delegado-geral de São Paulo confirmou também para o Palácio dos Bandeirantes que Paulo Cupertino tinha sido preso e que iria mandar buscá-lo no Paraná. Mas o tal homem detido ainda não havia chegado na delegacia.

O delegado da Polícia Civil de São Paulo Nico Gonçalves disse ao Balanço Geral, da Record TV, que recebeu a informação de que o homem suspeito não é Cupertino. "A caçada continua", disse Nico.

O delegado-geral do Paraná alertou o delegado-geral de São Paulo que a PM paranaense pode ter se equivocado.

Ainda segundo o delegado-geral, a PM e a Polícia Civil do Paraná pediram o mandado de prisão de Cupertino. O documento foi encaminhado por e-mail para oficializar a prisão. A Polícia do Paraná deve esclarecer a confusão sobre o caso ainda nesta tarde.

 

O empresário Paulo Cupertino Matias, acusado de matar o ator Rafael Miguel e os pais dele, fez um documento falso no interior do Paraná, segundo informações repassadas pela Polícia Civil nesta segunda-feira (26).

O crime aconteceu em junho de 2019, na Zona Sul de São Paulo. Em julho deste ano, Paulo Cupertino entrou na lista dos criminosos mais procurados pela polícia de SP.

 A Polícia Civil do Paraná informou que as investigações apontaram que o suspeito fez uma identidade falsa em Jataizinho, no norte do Paraná. De acordo com a polícia, o homem continua sendo procurado.

A polícia acredita que Paulo Cupertino tenha apresentado documentos falsos a um funcionário público da Prefeitura de Jataizinho para requerer os documentos.

O servidor foi ouvido pela Polícia Civil nesta segunda-feira. No depoimento, o homem disse não se lembrar de quando fez a identidade e que não sabia do caso.

Além disso, Polícia Civil informou que solicitou ao Instituto de Identificação do Paraná a documentação apresentada para o requerimento da identidade. O caso é investigado.

O G1 tenta contato com a defesa do acusado.

O caso

Rafael Miguel interpretou o personagem Paçoca em "Chiquititas" e atuou em novelas como "Pé na Jaca", "Cama de Gato" e o especial de fim de ano "O Natal do Menino Imperador".

De acordo com as investigações, Paulo Cupertino atirou 13 vezes contra o ator, de 22 anos, e os pais dele, João Alcisio Miguel, de 52 anos, e Miriam Selma Miguel, de 50.

O ator e seus pais estavam desarmados e não tiveram tempo de reagir quando foram baleados por Paulo.

Câmeras de segurança registraram o momento do crime. As imagens mostram o ator e seus pais sendo atingidos por disparos. Na sequência, o empresário aparece correndo.

Dois amigos de Paulo foram acusados de ajudar na fuga, dando dinheiro, transporte e até comida para o empresário, conforme a polícia.

Os três se tornaram réus no caso em junho de 2020. Paulo Cupertino é acusado de triplo homicídio duplamente qualificado, por motivo fútil e recurso que impossibilitou a defesa das vítimas. Já os amigos do empresário respondem por favorecimento pessoal.

A polícia já verificou quase 300 endereços em dez estados do Brasil e no Paraguai e Argentina sobre os possíveis paradeiros do acusado. (Fonte: Gazetaweb)

Dourados está novamente em alerta de perigo potencial por tempestade. Segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), partir das 11h desta quarta-feira (28) há risco de chuva entre 20 e 30 milímetros por hora ou até 50 milímetros no dia, além de ventos intensos entre 40 e 60 quilômetros por hora e queda de granizo.

Também é mencionado baixo risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de galhos de árvores e de alagamentos.

Na segunda-feira (26), alerta semelhante foi emitido pouco antes da chuva que totalizou 32.2 milímetros durante 2 horas e 40 minutos e das rajadas de vento de 46 quilômetros por hora registradas às 7h25 pela estação agrometeorológica da Embrapa Agropecuária Oeste.

Essa condição climática provocou a queda de mais de 50 árvores na cidade e pelo menos 22 mil moradores de 65 bairros sem energia elétrica.

Ainda no final da manhã de segunda-feira a prefeita Délia Razuk (sem partido) expediu o Decreto nº 2.968 de 26 de outubro de 2020, declarou situação de emergência em decorrência das fortes chuvas que atingiram o município.

“Fica declarada a existência de situação de anormalidade, provocada por desastre e caracterizada como Situação de Emergência, no Município de Dourados – MS, provocada pelas fortes chuvas”, indica a publicação, segundo a qual “em consequência deste desastre ocorreram diversos danos” que comprometem “a capacidade de resposta do Município” e “há necessidade de restabelecimento da ordem pública”.

Conforme o Inmet, há previsão de poucas nuvens na manhã de hoje e pancadas de chuva durante a tarde e à noite. O CPTEC/INPE (Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) aponta variação de nuvens pela manhã com pancadas de chuva localizadas que poderão ser fortes e vir acompanhadas de trovoadas a partir da tarde.

Homem identificado apenas como Kleber foi preso na tarde desta terça-feira (27) em Chapadão do Sul, a 330 quilômetros de Campo Grande, depois de esfaquear uma mulher de 51 anos, amiga da esposa. A confusão ocorreu em um bar nas proximidades da Avenida E. Após ser agredido por populares, o homem foi detido pela  e .

De acordo com o delegado Felipe Potter, no domingo, o homem havia ameaçado a esposa em Paraíso das Águas, cidade vizinha de Chapadão, oportunidade em que, armado com um facão, alegou que iria arrancar a cabeça e as vísceras dela. Assustada, a mulher acionou a PM e o homem acabou fugindo. Na segunda-feira, a mulher foi para Chapadão.

Nesta tarde, ela bebia com a amiga em um bar, quando o marido apareceu alterado. Ele fez novas ameaças contra a esposa, oportunidade em que a amiga tentou intervir e levou uma facada no peito, sendo socorrida em estado grave. O agressor tentou fugir, mas foi perseguido por populares e espancado até a chegada dos policiais. O caso é investigado.

 

Procurado desde o ano passado pelo assassinato do ator Rafael Miguel e os pais dele em São Paulo (SP), o empresário Paulo Cupertino Matias, 49, falsificou identidade, colocando o nascimento em cidade de Mato Grosso do Sul. 

As informações são do portal G1 do Paraná, onde o documento foi feito. 

De acordo com o site, o suspeito tem usado nome falso de Manoel Machado da Silva e ainda está foragido. 

Conforme informações da imprensa paulista na época, Paulo não aceitava o namoro de sua filha com o rapaz, conhecido pela atuação na novela Carrossel, transmitida pelo SBT.

Ainda de acordo com o G1, depois do crime, o empresário fugiu e conseguiu dar entrada num documento de identidade falsificado que foi feito no interior do Paraná, na cidade de Jataizinho.

A Polícia Civil do Estado vizinho ao Sul descobriu a fraude na segunda-feira (26) e alertou a polícia paulista, que investiga o homicídio e tenta prender o empresário. 

O Instituto de Identificação Ricardo Gumbleton Daunt (IIRGD) da Polícia Civil de São Paulo comparou as digitais que Paulo deixou no documento falso com as que tinha deixado em seu registro verdadeiro. 

Na análise ficou constatado que eram as mesmas impressões.

Vídeo

De acordo com o Campo Grande News, vídeo divulgado pela Polícia Civil do Paraná mostra o diretor do IIPR (Instituto de Identificação), delegado Marcus Vinicius Michelotto, afirmando que o documento foi cancelado. 

“Imediatamente nós cancelamos esse RG. Fizemos consulta ao cartório de Rio Brilhante, em Mato Grosso do Sul, que constatou também que esse documento utilizado para realização do RG, ou seja, a certidão de nascimento em nome de Manoel Machado da Silva era falso”.

O ator Rafael Miguel e os pais foram assassinados em junho do ano passado, quando chegavam na casa de Paulo Cupertino, em São Paulo (SP). 

 

Um homem de 33 anos foi esfaqueado pelo ex-namorado da esposa em Bataguassu, cidade localizada na região da divisa com o estado de São Paulo. O crime aconteceu na manhã deste domingo, dia 25 de outubro.

De acordo com a polícia, a mulher, de 29 anos, estava separada da vítima quando começou a se relacionar com o outro homem. O relacionamento não deu certo e após o término ela e o marido tentaram reconciliar o casamento.

Na noite deste domingo, o casal dormia na casa da mulher quando ouviram alguém pulando o muro da residência. Com medo, o homem a acordou e eles foram até a entrada verificar o que estava acontecendo.

O suspeito entrou à força na casa e, sem falar nada, deu sete golpes de faca no marido da ex-namorada. Dois golpes atingiram o braço direito, quatro facadas nas costas e uma uma na costela do lado esquerdo. O suspeito ainda agrediu a antiga companheira com socos e chutes antes de fugir do local.

O caso foi registrado como tentativa de homicídio na Primeira Delegacia de Polícia de Bataguassu e segue em investigação. Em contato, o pronto socorro do munícipio não soube informar o estado de saúde da vítima.

Dados divulgados pelo Comitê de Gerenciamento de Crise do Coronavírus, na manhã desta segunda-feira (26), mostram que 7.677 pessoas são consideradas recuperadas da doença na maior e mais populosa cidade do interior do Estado. Ao todo, 8.231 pessoas foram infectadas e 107 evoluíram a óbito no município.

Ainda há 439 indivíduos em isolamento domiciliar e 24 hospitalizados, nove em leitos de enfermaria e 15 em UTI (Unidade de Terapia Intensiva), sendo que 16 são de outras localidades. A taxa de ocupação dos leitos UTI/SUS está em 68%, sendo 16 ocupados por pacientes de Covid-19 (confirmados/suspeitos/pós covid) e 31 com outras patologias.

No último dia transcorrido, o município confirmou 18 novos casos, sendo dez do Drive thru, seis da Vigilância Epidemiológica e dois do Teste Rápido.

Do total de casos confirmados no município, 7.428 são do perímetro urbano, 80 dos Distritos Rurais, 382 da Reserva Indígena Federal e 40 de outras localidades.

Página 1 de 3